Entre a juventude e a eternidade

  • 31/08/2020
  • 0 Comentário(s)

Entre a juventude e a eternidade

Um dos pensamentos da juventude, em qualquer tempo, é que ela será permanente, que o envelhecimento não acontecerá. Os jovens que concebem que envelhecerão julgam que o envelhecimento está muito distante, e teoricamente está mesmo. É comum o pensamento de que a juventude será um tempo estendido e que o envelhecimento demorará para chegar. Se fosse possível, muitos desejariam permanecer na juventude. O sábio Salomão diz que precisamos nos alegrar na juventude, pois a velhice chegará (Eclesiastes 11:9 e 12:1).

No salmo 70 temos o relato de um ancião que suplica a Deus e que fala de sua mocidade, sua juventude. Ele está na velhice, a terceira idade na linguagem de hoje, glorificando a Deus e declarando que em toda a sua vida o Senhor foi seu escudo (versículo 1). Vemos um homem que viveu toda a sua vida na dependência e no temor de Deus. Ele faz uma declaração linda: “Em ti tenho apoiado desde o meu nascimento; do ventre materno tu me tiraste, tu és motivo para meus louvores constantemente” (versículo 6).

Ele afirma que Deus o conhece desde o ventre, na mesma perspectiva de Davi no salmo 139, e diz que o Senhor, que é seu refúgio, tem sido seu apoio. Que benção ter a convicção de que Deus nos conhece e tem sido nosso apoio desde o ventre materno, o que revela o amor e o cuidado zeloso de Deus com nossa história.

O Senhor Deus é o motivo de nossos louvores. A misericórdia diária levava o salmista a cantar a Deus. A graça derramada e o perdão de Deus faziam com que o salmista cantasse em gratidão. A nossa real e mais legítima motivação para o canto é vivermos para Deus. Quem reconhece o Senhor como único Deus canta sem cessar. Canta para expressar a gratidão.

No auge de sua maturidade, com seus cabelos brancos, esse ancião diz que sempre recebera instrução do Senhor, e aí está o “segredo” de sua vida plena, feliz e realizada. É claro que a vida dele, até esse momento, não deve ter sido fácil e sem dificuldades, mas ele afirma que foi um aluno aplicado aprendendo lições incríveis com Deus. Ele disse: “Tu me tens ensinado, ó Deus, desde a minha mocidade; e até agora tenho anunciado as tuas maravilhas” (versículo 17). Que declaração linda, incrível e profunda.

Nossa juventude deve ser permeada de experiências com os aprendizados do Senhor. Como o salmista nos declara, Deus vai nos moldando desde o ventre, mas na juventude podemos desfrutar de grandes lições com Deus, se nos submetermos aos Seus santos ensinos. Esse homem, que agora é idoso, reconhece que aprendeu caminhando com Deus na juventude, e esse deve ser o paradigma de nossa juventude atual.

As lições aprendidas nessa fase da vida serão carregadas por toda a jornada, assim como o salmista nos lembra aqui. Elas têm a capacidade de nos ajudar, de serem o combustível para nosso louvor. Somos abençoados com essas lições e elas devem nos fazer cantar, anunciando as maravilhas de Deus. A juventude é uma fase linda cheia de ensinos e de cantos de louvor.

Que maravilha passar pela juventude na presença de Deus. Que benção envelhecer sabendo que aprendemos com Deus na juventude, e ver os frutos disso em outras fases da vida. Para os adolescentes e jovens pode ser difícil pensar nas outras etapas da vida, como casamento, carreira, família, vida adulta e velhice, mas é imprescindível que nossa juventude tenha experiências impactantes com Deus nessa fase, para que se desenvolvam em todas as áreas debaixo da Sua orientação e sendo tementes a Ele.

A lição desse salmo 70 é que Deus, o Senhor da vida, sempre será nosso refúgio através das etapas de nossa história, sempre será nosso professor a nos ensinar lições extraordinárias, sempre será nosso companheiro de jornada, sempre será o motivo de nossas canções constantes, sempre será o nosso apoio nas fases difíceis quando estivermos vacilando, sempre será o nosso amparo.

Para a juventude que tem receios, medos e incertezas em relação ao futuro, esse salmo é um remédio para a insegurança. Com ele, aprendemos que Deus nos guiará para sempre, ou seja, desde o nosso nascimento até o dia que Ele nos chamar.

Adolescentes e jovens, confiem nEle e aprendam as lições que o Senhor Deus está oferecendo. Não faltem às aulas. Fiquem atentos. Sejam bons alunos e alunas enquanto as lições da juventude estão sendo ensinadas, pois os resultados serão exponenciais. Se duvidarem, lembrem-se da fidelidade de Daniel e seus amigos e de como Deus cuidou dele. Lembrem-se do jovem pastor Timóteo que se tornou um referencial nas igrejas do primeiro século da era cristã.

Que Deus cuide de nossa juventude hoje e sempre. Um dia a exuberância da juventude passará e o Grande Professor, o Deus Eterno, ainda estará lá, cuidando e zelando por sua vida.

  • Jeferson Rodolfo Cristianini é pastor da Igreja Batista Nova Canaã Sorocaba.

Fonte: https://ultimato.com.br/sites/jovem/2020/08/26/entre-a-juventude-e-a-eternidade/

0 Comentários


Deixe seu comentário


Aplicativos


 Locutor no Ar

AutoDJ

Automático

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

top1
1. Marine Friesen

Eu Também

top2
2. Bruna Karla

Advogado Fiel

top3
3. Aline Barros

Casa do pai

top4
4. Anderson Freire

Acalma o meu coração

top5
5. Aline Barros

Ressuscita-me

Anunciantes